Pista de Skate da Pajuçara vai ganhar novas cores pelas mãos do artista Levy Paz

Intervenção faz parte do projeto “Colorir é Legal” que selecionou profissionais por meio de edital

Deborah Freire / Secom Maceió 16/04/2022 às 10:00
Pista de Skate da Pajuçara vai ganhar novas cores pelas mãos do artista Levy Paz
Artista mostra resultado da primeira pintura finalizada na pista de skate / Foto: Itawi Albuquerque

Esporte, skate, lazer, saúde. Foram esses quatro motivos que inspiraram o artista visual Levy Paz a criar as pinturas que serão estampadas nos equipamentos da Pista de Skate da Pajuçara, ao lado da Balança de Peixes.

A intervenção artística já foi iniciada, com cores das mais diversas, porque como ressalta o artista, quanto mais colorido, mais alegre. A primeira parede pintada traz um “nose grab”, manobra bem conhecida entre os skatistas, em que o atleta salta e segura o skate com uma das mãos, e que será inspiração para os frequentadores do lugar.

Outras paredes e o piso também vão receber cores e formas, elementos gráficos que lembram ondas, tabuleiros de xadrez e a própria prática do skate.

Pinturas terão elementos o esporte e muitas cores / Foto: Itawi Albuquerque
Pinturas terão elementos o esporte e muitas cores / Foto: Itawi Albuquerque

Mas antes da primeira pincelada, um trabalho de formiguinha feito por trabalhadores da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) foi iniciado já há algumas semanas, para descascar a tinta antiga e deixar a “tela” em branco para o artista. E ele pretende aproveitar cada pedaço.

“Pintar, desenhar, colorir, fazer muralismo é o que eu faço, então é um prazer. A gente quer deixar o lugar bonito, um trabalho bem colorido, quanto mais cores, mais alegre fica, então é muito fácil de fazer. Vou usar elementos do próprio esporte, o skate, e outras coisas mais lúdicas”, contou.

Brasiliense, Levy Paz mora em Maceió há mais de 30 anos e trabalha como artista visual há aproximadamente 15 anos. Ele foi escolhido para fazer a pintura por meio do edital do projeto “Colorir é Legal”, da Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC).

Foto: Itawi Albuquerque
Foto: Itawi Albuquerque

Não é a primeira vez que ele realiza uma intervenção artística custeada pelo Município. No muro do Porto de Maceió, em Jaraguá, uma das 15 artes estampadas é de autoria de Levy.

Para ele, o incentivo da Prefeitura abre espaço aos artistas para exporem seus trabalhos por toda a cidade, e o edital, após a fase mais crítica da pandemia de covid-19, foi importante para recuperar o fôlego dos profissionais do segmento.

“A pandemia foi o pior momento possível para os artistas, é até ruim de dizer, foi crítico. O edital agora, além de ser muito democrático, abre a possibilidade para os artistas participarem, quebrando aquela tradição de serem sempre os mesmos, dá oportunidade aos mais experientes e aos mais novos, isso é democracia”, elogia.

“Colorir é Legal”

O projeto da FMAC tem a parceria da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial (Sedet), que faz a indicação dos locais que recebem as intervenções artísticas urbanas.

A ação foi lançada em setembro do ano passado, para credenciar artistas que irão promover mudanças visuais em espaços públicos da cidade. Por meio do edital, cada profissional selecionado irá receber R$ 120 por metro quadrado pintado.

Já passaram pelas intervenções o Mirante de Chã de Bebedouro, pintado pelo artista Germano Lyra, o Munganga, e o Mercado do Artesanato, na Levada, pelas mãos da artista Joyce Nobre.

SUDES

Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável

Rua Cel. Pedro Lima, 69 - Jaraguá;
CEP 57022-220 // Telefone: (82) 3312-5380 | Central de Monitoramento Sudes: 0800 082 2600 / (82) 98802-4834 (Whatsapp) | Informações/Agendamento Parques: (82) 98801-3651
protocolo@sudes.maceio.al.gov.br

Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h