Desenvolvimento Sustentável revitaliza ponto de lixo no bairro da Levada

Redação 05/11/2021 às 14:39
Desenvolvimento Sustentável revitaliza ponto de lixo no bairro da Levada

Residentes e comerciantes da região reclamavam do mau cheiro e proliferação de animais peçonhentos

A Prefeitura de Maceió segue trabalhando intensamente para coibir o descarte irregular. Desta vez, nesta quinta (4) e sexta-feira (5), as equipes da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) estiveram no córrego do Raminho, no bairro da Levada, transformando um ponto crônico de lixo em um local sustentável.

Desenvolvimento Sustentável revitaliza ponto de lixo no bairro da Levada. Foto: Ascom Sudes
Desenvolvimento Sustentável revitaliza ponto de lixo no bairro da Levada. Foto: Ascom Sudes

Mais de 40 colaboradores da Superintendência realizaram a limpeza do local e fizeram o plantio de 100 mudas de plantas, entre árvores nativas e ornamentais. Além disso, 150 pneus foram reutilizados. A ação beneficiou mais de mil moradores e comerciantes que sofriam com o descarte irregular na região.

De acordo com o superintendente da Sudes, Ivens Peixoto, mais de 40 toneladas de lixo eram retiradas toda semana nesse local.

“Essa era um dos pontos mapeados pela Sudes em que fazíamos a limpeza constantemente. Com essa ação, esperamos cessar a prática do descarte irregular aqui e manter o local sustentável para a cidadão que transita ou reside na localidade”, disse.

Outro serviço realizado pela Superintendência foi a limpeza do Córrego do Raminho, que também é feita semanalmente, retirando mais de 120 toneladas de detritos e resíduos do fundo do canal, provenientes do descarte irregular realizado nas proximidades.

Limpeza de canal sendo realizada, retirando mais de 120 toneladas por semana. Foto: Ascom Sudes

O ponto de lixo no bairro da Levada é o 13° local revitalizado e devolvido à população este ano. No entanto, a Sudes ainda possui mais de 180 pontos crônicos de descarte irregular mapeados, que já geraram mais de 200 mil toneladas de resíduos desde janeiro.

Kedyna Tavares, diretora de Planejamento da Sudes, afirma que o órgão tem atuado de forma intensa na identificação e revitalização desses pontos.

“Sabemos como é difícil eliminar esses pontos, pois as pessoas não colaboram e continuam praticando o descarte irregular. Porém, estamos mapeando e realizando essas ações que, além de promover a limpeza, fazem o plantio de mudas. Também integramos ações de educação ambiental para que o cidadão mude seus hábitos e comece a atuar de forma positiva na região onde reside”, disse Kedyna.

Educação ambiental

Além dos serviços de recuperação do ponto, a equipe de educação ambiental da Sudes percorreu a região orientando moradores e comerciantes sobre a coleta domiciliar e coleta de volumosos, além do que descartar nos Ecopontos e nos Pontos de Entrega Voluntária (PEVs) espalhados pela capital.

Educação ambiental foi realizada com transeuntes da área. Foto: Ascom Sudes

Claudionor Morais trabalha na região há três anos e afirma que já flagrou diversas vezes o descarte irregular. Segundo ele, o lixo “vem pessoas de carroça, carros particulares e caminhões de empresas. Nós, que trabalhamos perto, ficamos rendidos e sofremos com o mau cheiro e o aumento de animais venenosos”.

Claudionor Morais, comerciante do local, já sofreu com o descarte irregular realizado. Foto: Ascom Sudes

“O papel da educação ambiental é educar para que as pessoas cuidem do local e denunciem quem pratica irregularidades. Assim, podemos multar esses cidadãos que não colaboram com o poder público na limpeza da cidade”, completou o superintendente.

Além dos servidores da Sudes, dez jovens aprendizes da Naturalle, empresa responsável pela coleta domiciliar da parte baixa da capital, que trabalha em parceria com a Prefeitura para tentar diminuir o despejo inadequado na cidade, também participaram da ação.

Jovens aprendizes deram apoio na educação ambiental e no plantio de mudas. Foto: Ascom Sudes

A atividade contou ainda com o apoio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Smtt) que controlou o trânsito na área para evitar acidentes.

Agentes da SMTT deram apoio cuidando do trânsito da região. Foto: Ascom Sudes

Ademais, equipes da Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs) realizaram a desobstrução do passeio público na região.

Agentes de convívio social realizaram a desobstrução do passeio público. Foto: Alberto Jorge / Ascom Semscs

População como parceira

Além de descartar de forma correta, a população também pode ajudar denunciando. Ao flagrar um descarte inadequado, basta entrar em contato com o órgão enviando fotos e vídeos do flagrante, além do endereço completo. Caso seja constatada a infração, o autor pode ser multado.

A Central de Monitoramento da Sudes, atende através do WhatsApp 98802-4834. Também é possível solicitar informações sobre como proceder no número 0800 082 2600.

Colaboradores da Sudes ao final da atividade de revitalização. Foto: Ascom Sudes

Alexandre Vieira/Ascom Sudes

SUDES

Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável

Rua Cel. Pedro Lima, 69 - Jaraguá;
CEP 57022-220 // Telefone: (82) 3312-5380 | Central de Monitoramento Sudes: 0800 082 2600 / (82) 98802-4834 (Whatsapp) | Informações/Agendamento Parques: (82) 98801-3651
protocolo@sudes.maceio.al.gov.br

Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h