Profissionais do Criança Feliz iniciam capacitação

Redação 03/12/2021 às 13:55
Profissionais do Criança Feliz iniciam capacitação

Ao todo, 59 profissionais foram contratados através de processo seletivo

Visitadores sociais, supervisores de equipe e coordenadores técnicos aprovados no Processo Seletivo do Programa Primeira Infância Cidadã (PPIC)/Criança Feliz iniciaram sua capacitação nesta sexta-feira (3). Ao todo, 59 profissionais foram contratados através de Processo Seletivo Simplificado (PSS).

O treinamento continuará nos dias 7,10, 14 e 15 de dezembro, totalizando 40 horas de aula. Os profissionais irão conhecer como o Programa Criança Feliz deve ser executado e suas atribuições, o que é o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e como ele atua no município, além de orientações específicas de cada cargo.

“Capacitar esses profissionais antes do trabalho de campo é uma forma de facilitar o acesso aos direitos da população. As necessidades das famílias assistidas pelo programa serão atendidas com o que tem de melhor disponível no programa”, afirmou o secretário de Assistência Social de Maceió, Carlos Jorge.

Segundo a coordenadora do programa na capital alagoana, Wellida Santos, a capacitação é obrigatória para todos os aprovados no processo seletivo e faz parte das diretrizes do Programa. Somente após essa preparação, eles estarão aptos para iniciar o trabalho nas comunidades.

Capacitação é obrigatória para todos os profissionais aprovados no processo seletivo. Foto: Ascom Semas

O Criança Feliz apoia e acompanha o desenvolvimento infantil integral de 0 aos 6 anos de idade e facilita o acesso da gestante, das crianças na primeira infância e de suas famílias às políticas e aos serviços públicos que necessitam.

O Programa se desenvolve por meio de visitas domiciliares e acontece nos bairros do Vergel do Lago, Bom Parto, Trapiche da Barra, Ponta Grossa, Cruz das Almas, Jacarecica, São Jorge, Jacintinho e Benedito Bentes. Este ano, a iniciativa ultrapassou a meta de 1500 indivíduos acompanhados em Maceió.

Mantido pelo Governo Federal, o público alvo compreende crianças de até 3 anos e suas famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, crianças de até 6 anos beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e suas famílias, e, por fim, crianças de até 6 anos afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medida de proteção.

Vanessa Napoleão/Ascom Semas

SEMAS

Secretaria Municipal de Assistência Social

Avenida Comendador Leão, 1.383 - Poço
CEP 57025-000 // Telefone: (82) 3312-5900
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h