Castramóvel assiste 70 animais nos bairros Guaxuma e Garça Torta

Cães e gatos do Litoral Norte receberam atendimento clínico veterinário, vacinação antirrábica e os pets aptos a passar por procedimento cirúrgico foram castrados

Wilson Smith/Ascom GGI Causa Animal 22/04/2022 às 12:01
Castramóvel assiste 70 animais nos bairros Guaxuma e Garça Torta
Pets de Guaxuma e Garça Torta são assistidos pelos médicos-veterinários do Município. Foto: Ascom GGI Causa Animal

A equipe do Castramóvel concluiu nesta semana os atendimentos nos bairros Guaxuma e Garça Torta, localizados no Litoral Norte de Maceió. Foram realizadas 70 consultas eletivas dos cães e gatos das duas localidades. Após passarem pela avaliação da equipe de médicos-veterinários, bem como os resultados dos exames, os 33 animais que estavam aptos realizaram o procedimento de castração.  

Os demais pets que não estavam em condições ideais para passarem por procedimento cirúrgico receberam requisições da equipe de médicos-veterinários para realizar os tratamentos necessários. No local, em parceria com a Unidade de Vigilância de Zoonoses (UVZ), foram aplicadas 50 doses de vacinas antirrábicas e realizados testes de leishmaniose nos animais suspeitos. 

Os trabalhos foram coordenados pelo Gabinete de Gestão Integrada de Políticas Públicas para Causa Animal (GGI-CA).

O Programa de Controle Populacional Permanentes de Cães e Gatos da Prefeitura de Maceió iniciou em janeiro. Todo o processo de triagem é feito com muita prudência pela equipe sempre prezando pela saúde e bem-estar dos pets. 

O programa faz parte do planejamento que o GGI-CA tem executado visando a implementação de políticas públicas voltadas para a causa animal no Município.

Comunidade e pets de Guaxuma e Garça Torta são assistidos com as atividades do Castramóvel. Foto: Ascom GGI Causa Animal
Comunidade e pets de Guaxuma e Garça Torta são assistidos com as atividades do Castramóvel. Foto: Ascom GGI Causa Animal

A médica-veterinária, Larissa Rocha, fez uma avaliação dos atendimentos. Ela destacou que os animais que passaram pela triagem, em sua maioria, estavam bem cuidados.  

“O perfil dos pets atendidos em grande parte são domiciliados e possuem um controle adequado de ectoparasitas e os tutores possuem conhecimento das zoonoses existentes e seus riscos. Porém, ainda há a cultura de aplicação da “injeção anti-cio”, que pode gerar graves problemas à saúde para as fêmeas, como hiperplasia mamária, aborto e/ou infecção uterina, que podem levar o animal a óbito”, alertou Larissa Rocha. 

O projeto de esterilização de cães e gatos, além de visar o controle populacional, é importante para a saúde humana e do próprio animal.

A iniciativa traz melhorias para o Município, pois o trabalho que está sendo desenvolvido presta assistência às famílias mais vulneráveis com ações efetivas e viés educativo para a população. 

GGI-CA

Gabinete de Gestão Integrada de Políticas Públicas para Causa Animal

Rua Sá e Albuquerque, 235 - Jaraguá, Maceió - AL
CEP 57022-180 // Telefone: 82 98752.6505
E-mail: ggicausaanimal@maceio.al.gov.br
Horário de atendimento: segunda a sexta, de 8h às 14h